Veículos brasileiros são contemplados em projeto do Google que paga por conteúdo jornalístico

Veículos brasileiros são contemplados em projeto do Google que paga por conteúdo jornalístico

Crédito: Arnd Wiegmann/Reuters

O Google anunciou nesta quinta-feira (25/6) um novo programa de licenciamento que pagará pelo conteúdo jornalístico produzido por editores. Veículos de Alemanha, Austrália e Brasil fazem parte da primeira fase de testes do projeto, que deve ser lançado formalmente no fim do ano ou no começo de 2021.

Estado de Minas e Correio Braziliense, dos Diários Associados, e A Gazeta (ES) são os jornais brasileiros escolhidos para a primeira etapa da iniciativa. Os alemães Der Spiegel, Frankfurter Allgemeine Zeitung, Die Zeit e Rheinische Post, e os australianos Schwartz Media, The Conversation e Solstice Media são os outros veículos que integram o projeto que fará parte do Google News e do Discover.

Em entrevista aos Diários Associados, Andrea Fornes, coordenadora de parcerias editoriais do Google, explicou que a iniciativa oferecerá conteúdos até agora exclusivos para assinantes, que estavam disponíveis apenas por meio do paywall: “Nós estabelecemos contratos com os publicadores para abrir esses produtos jornalísticos fechados, com a anuência deles. É uma espécie de demonstração, pensada para atrair mais assinaturas para os jornais, ao mesmo tempo em que fortalece a marca de veículos relevantes e divulga informações de qualidade, de maior profundidade, produzidas por jornalistas profissionais”.

Andrea comenta também que o projeto ajudará o consumidor a focar nas notícias de seu interesse, com eficiência, critério e autonomia, pois ele estará utilizando uma ferramenta cujo conteúdo foi feito por veículos de imprensa confiáveis, evitando assim se perder no meio de tantas notícias, num “mar de informações”.

Com informações da ANJ.



Fonte: Portal dos Jornalistas

Deixe uma resposta