Unesco reitera importância de garantir segurança de jornalistas nas manifestações

Unesco reitera importância de garantir segurança de jornalistas nas manifestações

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) destacou em comunicado o aumento da violência contra jornalistas que cobrem manifestações públicas em diversos países e como isso afeta a liberdade de imprensa e de expressão.

Audrey Azoulay, diretora-geral da Unesco, afirmou que “a cobertura de acontecimentos está no centro do trabalho jornalístico, (…) essencial para garantir a liberdade de imprensa e o direito à informação”. De acordo com a entidade, nos últimos anos houve um aumento significativo nos registros de uso desproporcional da força por parte de policiais contra profissionais de imprensa em manifestações.

No comunicado, a Unesco lembra que realizou programas de formação sobre liberdade de imprensa e expressão para cerca de 3.5 mil agentes das forças de segurança de 17 países, e para quase 17 mil juízes e funcionários judiciais na América Latina e na África.  

Leia o comunicado da Unesco na íntegra (em inglês).



Fonte: Portal dos Jornalistas

Deixe uma resposta