Abraji fará lives para valorizar o trabalho dos jornalistas

Abraji fará lives para valorizar o trabalho dos jornalistas

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) lança um projeto de lives semanais para valorizar o trabalho dos jornalistas e mostrar a importância do papel desempenhado por eles em momentos cruciais para o País e para o mundo, como é o caso da pandemia do novo coronavírus.

A primeira transmissão será nesta terça-feira (21/3), das
21h às 22h, no perfil do Instagram da Abraji. As lives serão conduzidas
por Adriana Barsotti, diretora da entidade, e a primeira convidada é Ana
Lucia Azevedo
, repórter especial de Saúde, Ciência e Meio Ambiente de O
Globo, especialista na cobertura de saúde pública e tragédias ambientais.

Segundo Barsotti, “a ideia é mostrar os bastidores da
cobertura da pandemia, humanizando os profissionais que estão na linha de
frente e, por meio das entrevistas, refletir como o jornalismo está se adaptando
ao novo cenário; como os jornalistas estão lidando com o home office,
quais são as principais dificuldades da cobertura e como estão driblando-as”.

Para Guilherme Amado, vice-presidente da Abraji, o
trabalho do jornalista é essencial em qualquer época, principalmente em tempos
como os de hoje: “A informação correta pode determinar se uma vida vai ser
salva ou não. Acreditamos que os jornalistas envolvidos nessa tarefa, ao contarem
como está sendo o dia a dia do trabalho, ajudam a mostrar aos leitores,
ouvintes e espectadores como a imprensa livre é uma aliada do cidadão”.

A Abraji antecipou que a segunda transmissão, em 28/4, terá
a presença de Raull Santiago, produtor de documentários, empreendedor
social, ativista dos direitos humanos, fundador e integrante dos coletivos Papo
Reto, Movimentos, Perifa Connection e que faz parte da Assembleia de Membros da
Anistia Internacional do Brasil.



Fonte: Portal dos Jornalistas

Deixe uma resposta